Festa das Línguas (Templo 8)

De quinta a sábado desta semana, aconteceu a Festa das Línguas no Templo 8. A programação contou com Workshops temáticos que abordavam temas relativos a diversas culturas e países, shows e tendas temáticas, em que foram vendidos pratos típicos da Bélgica, de Israel, do Canadá e dos Estados Unidos. Participamos de uma dessas tendas, tentando mostrar um pouco da Bélgica e oferecendo como prato típico a Carbonnade à la Flamande.

Image
Nosso cardápio

A tenda funcionou na sexta-feira à noite e no sábado, de 13:30 às 21:00. Dividimos o espaço com o simpático israelense Hofesh Maoz, que ministrou o Workshop “Estado de Israel: Religião, Cultura e Gastronomia”. Ele vendeu deliciosas tortas doces e brownies, sobremesas que poderiam ser saboreadas após o prato salgado.

Image

Hofesh Maoz (esq.), israelense e David Vermeersch (dir.), belga

O evento era bastante informal e direcionado ao público jovem. A única reclamação que ouvimos, ao divulgarmos, foi a de se cobrar entrada : “Jovem não tem dinheiro para pagar entrada. Deveriam ter convertido ao menos uma parte em consumação.”, disse uma jovem que contatamos. Apesar disso, vimos bastante gente jovem circulando pelas tendas. “Os dois shows que eu vi compensaram valor da entrada.”, ponderou outro jovem que participou do evento.

Image

O banner que decorou a nossa tenda

Nosso prato teve uma aceitação muito boa: quase todas as pessoas que provaram, fizeram questão de retornar à tenda e elogiar o sabor. Houve mesmo quem saboreasse o prato mais de uma vez. Algumas pessoas estranhavam um pouco: “Cerveja no molho? Canela em comida salgada?” Mas a impressão se desfazia logo que viam o aspecto do prato ou se arriscavam a prová-lo.

Image

 Bélgica: a terra da batata

Achamos ótimo ter participado de um evento relacionado à nossa área de atuação, pois, além de termos conhecido um pouco mais sobre outras línguas e culturas, tivemos a oportunidade de conhecermos pessoas legais.

Agradecemos, em especial, à Adriana Drummond, pela oportunidade e também aos prestativos e simpáticos Francis e Rosana, que auxiliaram na organização. Aguardemos mais eventos como este!